quinta-feira, 31 de agosto de 2017


Definição e Conceito

Psicoterapeuta superior, Jesus não foi apenas o filósofo e o psicólogo que compreendeu os problemas humanos e ensejou conteúdos libertadores, mas permanece como terapeuta que rompeu as barreiras da personalidade dos pacientes e penetrou-lhes a consciência de onde arrancou a culpa, a fim de proporcionar a catarse salvadora e a recomposição da individualidade aturdida, quando não em total infelicidade. 
Possuidor de transcendente capacidade de penetração nos arquivos do inconsciente individual e coletivo, Ele tornou-se o marco mais importante da psicologia transpessoal, por adotar a postura mediante a qual considera o indivíduo um ser essencialmente espiritual, em transitória existência física, que faz parte do seu programa de autoburilamento. 
Conscientizando as criaturas a respeito da sua responsabilidade pessoal diante da vida, estabeleceu terapias de invulgar atualidade, trabalhando a estruturação da personalidade, com o passo de segurança para a aquisição da consciência. 
No postulado não fazer ao próximo o que não deseja que ele lhe faça, estatuiu a condição de segurança para a identificação do indivíduo consigo mesmo, com o seu irmão e com o mundo no qual se encontra, proporcionando uma ética simples e facilmente aplicável, no inter-relacionamento pessoal, sem conflito nem culpa. 
Da mesma forma, propondo o auto-aperfeiçoamento pela superação das paixões dissolventes, trouxe o futuro para o presente, tornando o reino dos céus um estado de consciência lúcida, longe do sono, do sonho e das psicoses totalmente superadas. 
Nesse homem transpessoal cantam, então, as glórias da vida e se dilatam os dons nele existentes, em pleno desenvolvimento da sua realidade, que supera as culpas e as dores, as angústias e as inquietações, tornando-o pleno e feliz. 

(Obra: O Ser Consciente - Divaldo Franco/Joanna de Ângelis)


******

Jesus passou a Terra, imperturbável em sua trajetória, embora à volta de si a agitação fosse imensa.
Se nos encontramos no clima de grandes lutas, pacifiquemo-nos para que o desequilíbrio de fora não
nos desestruture por dentro.
Tenhamos sempre uma palavra de conciliação, um gesto de serenidade e um sorriso amigo para oferecer
aos que se exaltam, perdendo o controle sobre as próprias emoções.

(Obra: Lições da Vida - Carlos A.Baccelli/Irmão José)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 

JESUS

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Resultado de imagem para chico xavier felicidade

NA CURA DA ALMA
 
"E é mais fácil passarem o Céu e a Terra do que cair um til sequer da lei."
 - Lucas, cap. 16 - v. 17
  
É rematada loucura a tentativa de burlar a consciência, onde jaz esculpida a Lei Divina.
Tudo, certamente, está sujeito à mudança, menos a Lei de Deus que é a mesma, para
todos os mundos, desde os primórdios da Criação.
Em prejuízo de outrem, jamais haverá alguém de, realmente, lograr algum benefício para si.
A equanimidade que impera no Universo é incorruptível - e cada um, segundo as suas obras,
e nada mais.
O mérito é consequência do esforço e não da conquista indébita.
A Graça Divina é concessão aos justos, que sabem recebê-la com a devida humildade, e não
aos que a tomariam por endosso às arbitrariedades que cometem.
A Lei a ninguém favorece para que permaneça favorecido em regime de exclusividade.
A fonte que se nega a jorrar transforma-se em poça de lama.
A semente que não se torna fruto é frustação da espécie.
Doar-se é a vocação natural de tudo quanto existe.
Servir é irresistível anseio, o qual ninguém contraria sem atirar-se à vala da depressão e da
angústia.
Muita doença psiquica que obtém da ciência dos homens as mais complexas terminologias tem
sua causa profunda na falta da vivência do amor aos semelhantes.
Convençamo-nos, de uma vez por todas, de que nenhum remédio cura o que é da alma, e, para
saber disto, ninguém precisa ter diploma.
 
 
(Obra: Saúde Mental À Luz do Evangelho - Carlos A. Baccelli/Inácio Ferreira)
 
 
******
 
Poucos se caracterizam pelo esforço que deve ser envidado para conquistá-los, vencendo, etapa a etapa, as dificuldades e impedimentos. 
Uns levam à ruína demorada, que envilece e infelicita. 
Vários dão acesso à glória transitória, ao poder arbitrário, às regalias que o túmulo interrompe. 
Jesus, porém, foi peremptório ao asseverar: 
-Eu sou o caminho - informando ser a única opção para chegar-se a Deus. 
 
(Obra: Momentos Enriquecedores - Divaldo P.Franco/Joanna de Ângelis)
 
 
******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 

******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

terça-feira, 29 de agosto de 2017


                            Roberto Carlos - Pensamentos


A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, oceano, céu, atividades ao ar livre, água, natureza e texto


Para Pedir Um Conselho

24. PREFÁCIO. Quando estamos indecisos sobre o fazer ou não fazer uma coisa, devemos antes de tudo propor-nos a nós mesmos as questões seguintes: 
 
1ª - Aquilo que eu hesito em fazer pode acarretar qualquer prejuízo a outrem? 
2ª - Pode ser proveitoso a alguém? 
3ª - Se agissem assim comigo, ficaria eu satisfeito? 
Se o que pensamos fazer, somente a nós nos interessa, licito nos é pesar as vantagens e os inconvenientes pessoais que nos possam advir. 
Se interessa a outrem e se, resultando em bem para um, redundará em mal para outro, cumpre, igualmente, pesemos a soma de bem ou de mal que Se produzirá, para nos decidirmos a agir, ou a abster-nos. 
Enfim, mesmo em se tratando das melhores coisas, importa ainda consideremos a oportunidade e as circunstâncias concomitantes, porquanto uma coisa boa, em si mesma, pode dar maus resultados em mãos inábeis, se não for conduzida com prudência e circunspecção. Antes de empreendê-la, convém consultemos as nossas forças e meios de execução. 
Em todos os casos, sempre podemos solicitar a assistência dos nossos Espíritos protetores, lembrados desta sábia advertência: Na dúvida, abstém-te. (Cap. XXVIII, nº 38.)  
 
(O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo XXVIII)
 
 
******
 
25. Prece. - Em nome de Deus Todo-Poderoso, inspirai-me, bons Espíritos que me protegeis, a melhor resolução a ser tomada na incerteza em que me encontro. Encaminhai meu pensamento para o bem e livrai-me da influência dos que tentarem transviar-me. 
 
(O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo XXVIII)
 
 
******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Usufruirmos

Não podemos nos deter no trabalho de renovação íntima, que deve ser o nosso
empenho de todos os dias. Ler e estudar também, mas com a preocupação 
imediata de converter em exemplo a teoria, não nos limitando à pratica 
quantitativa do bem... Caridade não é uma questão de números: a sua função
precípua é a de nos melhorar interiormente! O prato de sopa que estendemos
aos estômagos famintos necessita surtir efeito sobre nós... Foi neste sentindo que,
escrevendo aos Coríntios, nos disse Paulo: "E se eu distribuir todos os meus bens
para o sustento dos pobres, e se entregar o meu corpo para ser queimado, se
todavia não tiver caridade, nada disto me aproveita"! É possível, pelo que 
depreendemos das considerações do Apóstolo, praticar a caridade sem caridade, ou
seja, sem usufruirmos de suas benesses em favor de nossos espíritos. 
Torna-se imprescindível tomar a charrua do serviço cristão, derramando o próprio suor!
A humanidade está precisando ser tocada no coração...

Dr. Odilon Fernandes

(Obra: No Interior Da Terra - Carlos A. Baccelli/Paulino Garcia)


******

O apego às coisas materiais é um indício notório de inferioridade, porque, quanto
mais o homem se apega aos bens deste mundo, menos compreende o seu destino;
pelo desinteresse, ao contrário, ele prova que vê o futuro de um ponto de vista mais
elevado.

Dr. Odilon Fernandes

(Obra: No Interior Da Terra - Carlos A. Baccelli/Paulino Garcia)


******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

sábado, 26 de agosto de 2017

A imagem pode conter: 1 pessoa, barba e close-up

A FANTÁSTICA HISTÓRIA DE JORGE, O HUMILDE CIDADÃO, AMIGO DE CHICO XAVIER, QUE QUANDO DESENCARNOU FOI RECEBIDO NO PLANO ESPIRITUAL POR JESUS DE NAZARÉ.
Ao longo dos anos em que ia a Uberaba conheci muita gente. Gente boa, gente meio boa e gente menos boa. Algumas o tempo vai apagando lentamente, mas jamais terá força suficiente para apagar de minhas lembranças a figura encantadora que vocês vão passar a conhecer.
Numa daquelas madrugadas, quando as reuniões do Grupo Espírita da Prece se estendiam até ao amanhecer, vi-o pela primeira vez. Naquela filas quase intermináveis, que se formavam para a despedida ou para uma última palavrinha ainda que rápida com Chico, ele chamou-me a atenção pela alegria com que esperava a sua vez. Vinha com passos cansados, o andar trôpego, a fisionomia abatida, mas seus olhos brilhavam à medida que se aproximava do médium. Não raro, seu contentamento se traduzia em lágrimas serenas, mas copiosas. Trajes pobres, descalço, pés rachados, indicando que raramente teriam conhecido um par de sapatos. Calça azul, camisa verde, com muitos remendos; um paletó de casimira apertava-lhe o corpo franzino. Pele escura, cabelos enrolados, nos lábios uma ferida. Chamava-se Jorge. Creio que deve ter tomado poucos banhos durante toda a vida. Quando se aproximava, seu corpo magro, sofrido e mal alimentado exalava um odor desagradável. Em sua boca, alguns raros tocos de dentes, totalmente apodrecidos. Quando falava, seu hálito era quase insuportável. Ainda que alguém não quisesse, tinha um movimento instintivo de recuo. Quando se aproximava, tínhamos pressa em dar-lhe algum trocado para que ele fosse comprar pipoca, doce ou um refrigerante, a fim de que saísse logo de perto da gente.
Jorge morava com o irmão e a cunhada num bairro muito pobre - uma favela, quase um cortiço. Seu quarto era um pequeno cômodo anexado ao barraco do irmão. Algumas telhas, pedaços de tábuas, de plásticos, folhas de lata emolduravam o seu pequeno espaço. O irmão e a cunhada eram bóias-frias. Jorge ficava com as crianças. Fazia-lhes mingau, trocava-lhes os panos, assistia-os. Alma, assim, caridosa acredito que sofresse maus tratos. Muitas vezes o vi com marcas no rosto e, ainda hoje, fico pensando se aquela ferida permanente em seu lábio inferior não seria resultante de constantes pancadas. Pois o Chico conversava com ele, cinco, dez, vinte minutos. Nas primeiras vezes, pensava: "Meu Deus! Como é que o Chico pode perder tanto tempo com ele, quando tantas pessoas viajaram milhares de quilômetros e mal pegaram sua mão?!? Por que será que ele não diminui o tempo do Jorge para dar mais atenção aos outros?" Somente mais tarde fui entender que a única pessoa capaz de parar para ouvir o Jorge era ele.
Em casa, o infeliz não tinha com quem conversar; na rua, ninguém lhe dava atenção. Quase todas as vezes em que lá estive, lá estava ele também. Assim, por alguns anos, habituei-me a ver aquele estranho personagem que, aos poucos, me foi cativando. Hoje, passados tantos anos, ao escrever estas linhas ainda choro. A gente corre o risco de chorar um pouco, quando se deixou cativar, não é mesmo? Nunca ouvimos de sua boca qualquer palavra de queixa ou revolta.
Seu diálogo com o paciente médium era comovente e enternecedor:
- “Jorge, como vai a vida?”
- “Ah, Tio Chico, eu acho a vida uma beleza!”
- “E a viagem, foi boa?”
- “Muito boa, Tio Chico! Eu vim olhando as flores que Deus plantou no caminho para nos alegrar!”
- “Do que você mais gosta de olhar, Jorge?”
- “O azul do céu, Tio Chico! Às vezes penso que o Sinhô Jesus tá me espiando por detrás de uma nuvem!”
Depois o visitante falava da briga dos gatos, da goteira que molhou a cama, do passarinho que estava fazendo ninho no seu telhado. Quando pensava que tudo havia terminado, o dono da casa ainda dizia:
- “Agora, o nosso Jorge vai declamar alguns versos”.
Eu chegava até a me virar na cadeira, perguntando a mim mesmo: "Onde é que o Chico arruma tanta paciência?"
Jorge declamava um, dois, quatro versos.
- “Bem, Jorge, agora, para a nossa despedida, declame o verso que mais gosto.”
- “Qual, tio Chico?”
- “Aquele, da moça!”
- “Ah, Tio Chico! Já me lembrei. Já me lembrei!!!”
Naquelas horas, o centro continuava lotado. As pessoas se acotovelavam, formando um grande círculo em torno da mesa.
Jorge colocava, então, o colarinho da camisa para fora, abotoava o único botão de seu surrado paletó, colocava as mãos para trás, à semelhança de uma criança quando vai declamar na escola, ou perante uma autoridade, olhava para ver se o estavam observando e sapecava, inflado de orgulho:
- "Menina, penteia o cabelo. Joga as tranças para a cacunda. Queira Deus que não te leve de domingo pra segunda!"
Quando terminava, o riso era geral. Ele também sorria. Um sorriso solto e alegre, mas ainda assim doído, pois a parte inferior de seus grossos lábios se dilatava, fazendo sangrar a ferida. Aí ele se aproximava do médium, que lhe dava uma pequena ajuda em dinheiro. Em todos aqueles anos, nunca consegui ver quanto era. Depois colocava o dinheiro dentro de uma capanga, onde já havia guardado as pipocas, os doces, dando um nó na alça do pano. Para se despedir, ele não se abraçava ao Chico: ele se jogava, sim, todo por inteiro, em cima do Chico! Falava quase dentro do nariz do Chico e eu nunca o vi ter aquele recuo instintivo como eu tivera tantas vezes.
Beijava-lhe a mão, o qual também beijava a mão e a face dele, ao que ele retribuía, beijando os dois lados da face do Chico, onde ficavam manchas de sangue deixadas pela ferida aberta em seus lábios. Nunca vi o Chico se limpar na presença dele nem depois que ele se tivesse ido. Eu, muitas vezes, ao chegar à casa dele, molhava um pano e limpava o que passamos a chamar carinhosamente de "o beijo do Jorge..."
Não saberia dizer quantas vezes pensei em levar um presente àquele pobre irmão - uma camisa... um par de sapatos... uma blusa. Infelizmente, fui adiando e o tempo passando. Acabei por não lhe levar nada. Lembro-me disso com tristeza e as palavras do apóstolo Paulo se fazem mais fortes nos recessos de minha alma: "Façamos o bem, enquanto temos tempo". Enquanto temos tempo. De repente, fica tarde demais.
Jorge desencarnou. Desencarnou numa madrugada fria. Completamente só em seu quarto. Esquecido do mundo, esquecido de todos, mas não de Deus.
Contou-me o Chico que foi este nosso irmão de pele escura, cabelos enrolados, ferida nos lábios, pés rachados, mau cheiro e mau hálito que, ao desencarnar, Jesus Cristo veio pessoalmente buscar. Entrou naquele quarto de terra batida, retirou Jorge do corpo magro e sofrido, envolto em trapos imundos, aconchegou-o de encontro ao peito e voou com ele para o espaço, como se carregasse o mais querido dos seus irmãos!
"Eis que estarei convosco até o fim dos séculos."
"Não vos deixarei órfãos."
Ele não faria uma promessa que não pudesse cumprir.
Chico Xavier - Expositor: Adelino da Silveira - História do Jorge.
CHICO XAVIER - PEQUENAS HISTÓRIAS: UM GRANDE HOMEM – OSWALDO CORDEIRO.
Imagem relacionada
Imagem relacionada
Resultado de imagem para chico xavier confiança
Imagem relacionada

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Resultado de imagem para equilibrio

Equilíbrio

A vontade desequilibrada desregula o foco de nossas 
possibilidades criadoras. Daí procede a necessidade de regras 
morais para quem, de fato, se interesse pelas aquisições eternas 
nos domínios do Espírito. Renúncia, abnegação, continência 
sexual e disciplina emotiva não representam meros preceitos de 
feição religiosa. São providências de teor científico, para enriquecimento efetivo da personalidade. Nunca fugiremos à lei, cujos 
artigos e parágrafos do Supremo Legislador abrangem o Universo. 
Ninguém enganará a Natureza. Centros vitais desequilibrados 
obrigarão a alma à permanência nas situações de desequilíbrio. 
Não adianta alcançar a morte física, exibindo gestos e palavras 
convencionais, se o homem não cogitou do burilamento próprio. 
A Justiça que rege a Vida Eterna jamais se inclinou. É certo que 
os sentimentos profundos do extremo instante do Espírito encarnado cooperam decisivamente nas atividades de regeneração além 
do túmulo, mas não representam a realização precisa. 
O homem vive esquecido de que Jesus ensinou a virtude como 
esporte da alma, e nem sempre se recorda de que, no problema do 
aprimoramento interior, não se trata de retificar a sombra da 
substância e sim a substância em si mesma.

(Obra: Missionários da Luz - Chico Xavier/André Luiz)


******

O uso respeitável dos patrimônios 
da vida, a união enobrecedora, a aproximação digna, constituem o 
programa de elevação. É, portanto, indispensável distinguir entre 
harmonia e desequilíbrio, evitando o estacionamento em desfiladeiros fatais.

(Obra: Missionários da Luz - Chico Xavier/André Luiz)

******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Imagem relacionada

Encontro com DEUS
 
Os téologos criaram, ao longo do tempo, concepções dogmáticas,
com ritos e rezas voltados para o culto exterior,  sugerindo que
Deus está no interior de sua igreja e que só ela levará os crentes
ao Céu.
Afastaram-se do pensamento original de Jesus, que, despido de
formalismos e firulas dogmáticas, nos ensina, com a simplicidade
da sabedoria autêntica e a profundidade da verdade revelada, que
o Reino de Deus deve ser encontrado na intimidade de nossas 
almas, com exprime em Lucas (17:21) :
...o Reino está dentro de vós.
 
E mais: se pretendemos um encontro com o Senhor nesse reino
íntimo é fundamental que observemos sua recomendação 
(Mateus, 7:12):
Tudo o que quiserdes que os homens vos façam, fazei o assim
também a eles...
 
 
(Richard Simonetti - Jornal Folha Espírita de Novembro/2011)
 
 
******
 
Quando os indivíduos se aperceberem das vantagens do amor a si mesmo,
de início, ao seu próximo como consequência, e, por fim, a Deus, tudo se
lhe modificará durante o périplo orgânico, pois que esse tropismo superior
alçá-lo-á ao estágio de individuação.
 
(Obra: Em Busca da Verdade - Divaldo Franco/Joanna de Ângelis)
 
 
******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Imagem relacionada

Solicita
 
-"...esse jugo é leve e a lei é suave, pois que apenas impõe, como dever,
   o amor e a caridade".
 
Vejamos, queridos irmãos e irmãs, o que a Lei Divina nos solicita: unicamente
que cumpramos com o dever de amarmo-nos uns aos outros, conforme Jesus
nos amou e amará sempre ! Por que será que sentimos tanta dificuldade em
sermos bons ? Por que achamos difícil viver dentro do que o Evangelho nos
preceitua ? Não existe segredo, para que o espírito se redima ! Vejamos, não
há mistério algum ! Tudo se resume na vivência do amor ! A opção que o
espírito faz pelo egoísmo lhe custa muito mais, porque, como filhos de Deus,
todos trazemos o germe da bondade no coração. Não sermos bons significa
contrariar a nossa própria natureza ! Um dia, o pior malfeitor haverá de ser
espírito redimido. O caminho do mal é simples perda de tempo... Peçamos
a Jesus que nos auxilie a ser o que precisamos !
Ainda não estamos em condições de fazer apenas e tão-somente o que
queremos... Precisamos nos fortalecer espiritualmente.
Para tanto, todos somos convidados à prática incessante do bem. A caridade,
se não está ao alcance de todo bolso, está ao alcance de todo coração. A
única coisa que a Lei nos pede é que sejamos bons ! Será isto pedir algo
absurdo de nós outros ? Algo que esteja fora de nossas possibilidades
naturais ?...
 
(Preleção na Obra: Estudando Nosso Lar - Carlos A. Baccelli / Inácio Ferreira)
 
 
******
 
Cristo fala-nos, como sempre, nas páginas eternas da Boa Nova, de braços abertos... 
Quem puder abandonar a velha e petrificada concha do “eu”, para escutar-Lhe os ensinos, na acústica do coração e da consciência, decerto não encontrará outra senda que não seja a da verdadeira fraternidade – a única que nos conduzirá, com segurança, à nossa ressurreição para a Vida Imperecível!... 
 
(Obra: Vida e Caminho - Chico Xavier / Emmanuel)
 
 
******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******

 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

                   Relembrando Chico Xavier VII


PEDIR E RECEBER

Do ponto de vista moral, essas palavras de Jesus significam: Pedi a luz que vos clareie o caminho e ela vos será dada;
pedi forças para resistirdes ao mal e as tereis; pedi a assistência dos bons Espíritos e eles virão acompanhar-vos e, como o anjo de Tobias, 
vos guiarão; pedi bons conselhos e eles não vos serão jamais recusados; batei à nossa porta e ela se vos abrirá; mas pedi sinceramente, com fé, confiança e fervor; apresentai-vos com humildade, e não com arrogância, sem o que sereis abandonados às vossas próprias forças e as quedas que derdes serão o castigo do vosso orgulho.
Tal o sentido das palavras: buscai e achareis; batei e abrir-se-vos-á.

(O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo XXV)


******

"A prece, para o homem, deve ser uma fonte de inspiração para o trabalho. Ele deve procurar na oração as
forças para agir, porque, sem dúvidas, a fé sem obras, no dizer de Emmanuel, não passa de uma flor artificial 
sobre a mesa..."

(Obra: O Evangelho de Chico Xavier - Carlos A. Baccelli)


******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.


******
 

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Imagem relacionada

O Alimento que Ingeres
 
O alimento que ingeres é de grande utilidade quando bem orientado para o equilíbrio da saúde, conseguindo a paz interior. É bom que não te esqueças da escolha dos alimentos, consultando bons livros, em se referindo à comida.
Precisamos de muita paciência na especulação da alimentação, fornecendo ao complexo orgânico as coisas naturais e as forças da natureza, empregadas no amparo as nossas forças, para o bem da nossa própria vida.
A resignação em relação ao que aparece como problema no correr da existência é de grande utilidade, desde quando não faltem o amor e o bem-estar, que surge da alegria. 
Procura alimentar-te nos moldes em que se mostra o equilíbrio, sem estimular a vontade exagerada; devemos comer para viver, e não viver para comer.
Não te deixes viciar no que tange à alimentação; procura triturar com perseverança a comida, retirando dela as substâncias da paz orgânica, buscando sempre, onde existem mais experiências, o que falta para enriquecer as tuas.
Alguns dizem que religião nada tem com a alimentação; como se enganam! Tem e muito! Devemos cuidar do corpo e do Espírito, para o equilíbrio interno. Tudo o que aprendemos de bom é útil a vida, como exemplos aos outros.
É justo que tenhamos constância em tudo o que é bom, favorecendo a harmonia, sendo porta aberta para a luz do entendimento. Sejamos pacíficos em tudo o que venhamos a fazer, porque essa tranqüilidade nos faz aceitar o amor e vivê-lo, nos faz aceitar a caridade e vivê-la, nos faz aceitar o perdão e vivê-lo. E esse conjunto de virtudes forma em nossa intimidade a paz, bem como estimula o coração, senão a consciência. Compete a cada um esforçar-se para alcançar o estágio da benevolência que alegra e nos faz crescer na luz de Deus. 
O que se chama alimento para que possamos viver não é somente o pão de cada dia; a água é alimento, o ar o é também, como igualmente o amor.
Esses últimos se fazem diretamente sustento para a alma, como também para o corpo e as suas funções entre os dois mundos.
Sejamos ordeiros nas investidas do corpo para a alma e da alma para o corpo, meditando no que ocorre, no sentido de aprender a nos comportar, para melhor tirar proveito das lutas que sempre nos trazem um bom rendimento.
Tenhamos paciência no desenrolar do tempo, que somente assim nós crescemos, deixando fulcros de exemplos para os outros, colhendo os frutos da paz, aquela que o mundo não pode dar. As nossas vidas significam luta permanentemente, porque é no intenso trabalho para aprender que nós instruímos e enriquecemos as qualidades do coração.
Verificamos que, em tudo na vida, estamos nos alimentando; e a escolha é de grande utilidade, sendo que podemos viver bem ou mal, de acordo com o que escolhemos para nos alimentar. 
Apaziguar o que vem a nós é o nosso dever, para que surja disso o maior dos ambientes da vida - o Amor.

 
(Mensagem extraída do livro Cura-Te A Ti Mesmo 
 João Nunes Maia / pelo Espírito Miramez) 

 
******
 
Cessemos, pois, a guerra de nossas criações inferiores do passado e entreguemo-nos, cada dia, às realizações novas de Deus, instituídas a nosso favor, perseverando em receber, no caminho, os dons da renovação constante, em Cristo, para a vida eterna.

   
(De Vinha de Luz - Chico Xavier/Emmanuel)
 
 
******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

******
 

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Imagem relacionada

O Sono e os Sonhos
 
403 Por que nem sempre nos lembramos dos sonhos?
– O que chamais de sono é apenas o repouso do corpo, mas o Espírito está sempre ativo e durante o sono recobra um pouco de sua liberdade e se corresponde com os que lhe são caros, neste mundo ou em outros. Sendo o corpo uma matéria pesada e grosseira, dificilmente conserva as impressões que o Espírito recebeu, visto que o Espírito não as percebeu pelos órgãos do corpo.
 
404 O que pensar da significação atribuída aos sonhos?
– Os sonhos não têm o significado que certos adivinhos lhes atribuem. É um absurdo acreditar que sonhar com isso significa aquilo. São verdadeiros no sentido de que apresentam imagens reais ao Espírito, mas muitas vezes não têm relação com o que se passa na vida corporal; são também, como dissemos, uma lembrança. Algumas vezes, podem ser um pressentimento do futuro, se Deus o permite, ou a visão do que se passa nesse momento em um outro lugar para onde a alma se transporta. Não tendes numerosos exemplos de pessoas que aparecem em sonho e vêm advertir seus parentes ou amigos do que lhes está acontecendo? O que são essas aparições, senão a alma ou o Espírito dessas pessoas que vêm se comunicar com o vosso? Quando estais certos de que o que vistes realmente aconteceu, não é uma prova de que a imaginação não tomou parte em nada, principalmente se as ocorrências do sonho não estavam de modo algum em vosso pensamento enquanto acordados?
 
405 Vêem-se freqüentemente em sonho coisas que parecem pressentimentos e que não se realizam; de onde vem isso?
– Elas podem se realizar apenas para o Espírito, ou seja, o Espírito vê a coisa que deseja porque vai procurá-la. Não deveis esquecer que, durante o sono, a alma está constantemente sob influência da matéria, às vezes mais, às vezes menos, e, conseqüentemente, nunca se liberta completamente das idéias terrenas. Disso resulta que as preocupações enquanto acordados podem dar àquilo que se vê a aparência do que se deseja ou do que se teme. A isso verdadeiramente é o que se pode chamar de efeito da imaginação. Quando se está fortemente preocupado com uma idéia, liga-se a essa idéia tudo o que se vê.
 
406 Quando vemos em sonho pessoas vivas, que conhecemos perfeitamente, praticarem atos de que absolutamente não cogitam, não é efeito de pura imaginação? 
– Em relação a praticar atos de que não cogitam, como dizeis, o que sabeis disso? O Espírito dessa pessoa pode visitar o vosso, como o vosso pode visitar o dela e nem sempre sabeis no que ele pensa. E então, freqüentemente, atribuís às pessoas que conheceis, e de acordo com vossos desejos, o que se passou ou se passa em outras existências.
 
407 O sono completo é necessário para a emancipação do Espírito?
– Não; o Espírito recobra sua liberdade quando os sentidos se entorpecem. Ele se aproveita, para se emancipar, de todos os momentos de repouso que o corpo lhe concede. Desde que haja debilidade das forças vitais, o Espírito se desprende, e quanto mais fraco estiver o corpo, mais livre ele estará.
  
   É assim que a sonolência, ou um simples entorpecimento dos sentidos, apresenta muitas vezes as mesmas imagens do sono.  
 
(O Livros dos Espíritos - Perguntas nº: 403,404,405,406 e 407)
 
 
******
  
E, projetando ele isto, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: "José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, porque o que nela está gerado é do Espírito Santo;
Ela dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados."
 
(Bíblia Sagrada - Mateus 1:20 e 21)
 
 
******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS